Prefeitura de Santa Helena de Goiás
Acessibilidade

Você está em: Página inicial / Notícias / Geral

Notícias

POSTADO 23 abr 2019 EM Geral

Saiba mais sobre o Centro Municipal de Equoterapia Maria Vitória de Freitas

O Plenário do Senado aprovou no início desse mês a regulamentação da equoterapia como método de reabilitação de pessoas com deficiência. O texto aprovado é um substitutivo da Câmara dos Deputados (SCD 13/2015 ao PLS 264/2010) e agora segue para a sanção da Presidência da República.

A Prefeitura Municipal de Santa Helena de Goiás já disponibiliza o Centro Municipal de Equoterapia Maria Vitória de Freitas há quinze anos, que tem sua sede localizada no Parque Agropecuário de Exposições de Santa Helena de Goiás.
São parceiros FAEG/Senar e Sindicato rural de Santa Helena de Goiás.

A interação com o cavalo, incluindo os primeiros contatos, o ato de montar e o manuseio final, desenvolve novas formas de socialização, autoconfiança e autoestima. A atividade é exercida por uma equipe multiprofissional: Odilon Henrique Sousa Marques, Fisioterapeuta e coordenador do projeto, Gabriella Rodrigues Gonçalves, Fisioterapeuta e Equoterapeuta, Luciene Luiz da Silva, Pedagoga e Equoterapeuta, Daniele Alexandrino da Silva, Psicóloga e Equoterapeuta, Celio Arantes da Silva, Cuidador e Guia, e Marco Aurélio Marin Salvadeo, Médico Veterinário.

Segundo Odilon, a prática da equoterapia objetiva benefícios físicos, psíquicos, educacionais e sociais de pessoas com necessidades especiais.

O centro possui atendimento ao praticante todos os dias no período matutino e nas terças-feiras e quintas-feiras, em período integral. O método é de extrema importância, trazendo evolução a quem passa por esse tipo de tratamento.

Os cavalos Picasso e Queimadinho para não cansarem, são revezados nos turnos.

É necessária indicação médica. A equipe de equoterapeutas avalia e faz uma contra referência para o médico dar o aval.

 

Ascom PMSH

Natalia Martins JP 2180 DRT- GO

Imagens: Manoel Paiva

COMPARTILHAR: